Santiago do Chile, O Passeio

Já fui duas vezes para o Chile e já tenho programado uma terceira viagem. Em todas às vezes sempre fiquei à Santiago.

Além de ser uma ótima experiência internacional o Chile é uma bela opção de passeio barato, lá você encontra neve, Deserto, Praia, vida selvagem, centro histórico e pessoas animadas que gostam de brasileiros.

Valle Nevado sem neve em Abril

Em minha primeira viagem, em Abril/2010, no fiquei apenas 8 horas, mas foi o suficiente para ir ao Valle Nevado, conhecer o centro e rever rapidamente alguns amigos.

Nas ultimas férias, em Outubro/2010, o Chile foi meu 2º destino no meu roteiro. Nessa segunda visita resolvi ficar quatro dias, que foram o suficientes para conhecer a capital chilena e as redondeza.

Neve em El Morado

Precisei alugar um carro, pois em Outubro não era temporada de neve, e como eu queria ver, tive que ir em um lugar onde tem neve o ano inteiro, em El Morado, localizado a 2 horas do centro de Santiago. Foi um momento bem feliz, porém passei um sufoco. Chegamos no ponto onde tinha neve por volta de 19h00, ainda claro ficamos na neve, e quando resolvemos sair, a bateria do carro arriou … E agora José? Foi um sufoco para fazer o carro funcionar às 20h00 no meio do nada, sem ninguem e muito frio … Depois de várias tentativas o carro voltou a funcionar e zarpamos de lá sem parar em mais nenhum lugar.

Neve em El Morado, 20hrs da noite quando a bateria do carro arriou.

Uma opção de passeio que você deve tirar pelo menos dois dias pra fazer é o litoral chileno, as águas do Oceano Pacifico são conhecidas por serem muito geladas, é uma ótima oportunidade de molhar os pés do outro lado do continente. As duas cidades mais conhecidas são Viña del Mar e Valparaiso, são bem próximas uma da outra.

Praia em Viña del Mar

Valparaiso, sede do poder legislativo é considerada a parte nobre, construções antigas e belas, esta na lista de patrimônios cultural da humanidade pela Unesco desde 2003.

Em Viña del mar, existe vários pontos turísticos como o museu da historia do Chile, o Casino Viña del mar, Jardim botânico, O relógio de flores, e outros.

Relógio de Flores em Viña del Mar

Dinheiro
A moeda é o Peso Chileno tem quase o mesmo valor da nossa, porém as quantias assustam um pouco ao ver. É melhor comprar dolar e chegando lá em alguma casa de cambio trocar pelo peso chileno. Existe um calculo para se chegar ao valor aproximado da cotação em dolar/real.

Exemplo:
Para o valor de: $1.000 pesos chilenos (também chamado de 1 luquinha), calcule o dobro e tire um 0, ficando = $2.00, Esse valor aproxima-se do valor em dólar, para real é só multiplicar por aproximadamente 1.80 (media da cotação do dólar), ficando R$ 3,60.

OBS.: Esse calculo não é exato, é uma formula para se chegar próximo do valor.

Llama na ruas de Santiago

Passagens Aéreas
Tirando nas épocas de temporada de neve (Junho à Agosto), as passagens aéreas são até baratas, você consegue encontrar passagens a partir de 500,00 ida e volta. Isso quando não tem as promoções relâmpagos das cias aéreas. A dica é sempre ficar de olho nos sites como submarino viagens e o que eu sempre acesso o Melhores Destinos, sempre com ótimas dicas de passagens baratas. Também existe a opção das milhas aéreas, comprando com antecedência você até consegue ir na época de alta temporada.

Hospedagem
As hospedagens variam bastante de valores e gostos. Da ultima vez que fui fiquei em um albergue, o Foosteps, muito bem freqüentado e com ótima localização, existe opções de quartos individuais e quarto compartilhado. Paguei cerca de R$ 10,00 dólares o dia em quarto compartilhado, com direito armário, café da manha, roupa de cama e banho, ducha quente, TV a cabo, mesa de sinuca, PC com internet e conexão wifi. Lá encontrei quatro brasileiros, fizemos um pequeno agito brazuca.

Amigos brasileiros no Chile

Locação de carros
Também próximo do albergue no parque Bustamante, existe uma locadora de carros, a Santiago Ren A Car, localizada na Calle (rua) Rancagua, 73, no bairro da Providencia. A locação mínima são 2 dias, no valor de aproximadamente R$ 128,00 o dia.

Santiago à noite
A cidade durante a semana é bem tranqüila, assim como no Brasil geralmente os melhores dias para os baladeiros são sexta e sábado, a balada de mais agito é a The Pub. Também próxima ao albergue.

Monumento aos povos indígenas – Inaugurado em 1992

City tour,
Todos os dias às 10hrs tem um city tour gratuito com duração de 2 horas, é um projeto de estudantes que oferece serviços turísticos e cultural no centro de Santiago, não é cobrado nada por isso, apenas pedem uma ajuda para incentivar o programa. As saídas são sempre na Plaza de Armas em frente da catedral. No albergue podem passar mais informações.

Próximo da catedral também existe um ponto de ajuda ao turista onde você pode pegar dicas de Santiago e redondezas.

Cápsula Fénix

Entre as atrações do city tour estão a Plaza de armas, Café haiti (vulgo café con Piernas), Palácio de La Moneda (onde esta sendo exibida a Cápsula Fênix, resgatou os mineiros soterrados no Chile), Teatro Municipal, Museu Chileno de Arte Precolombino, Casa de Pablo Neruda (estampado na nota de 1000 pesos). O Cerro Santa Lucia, não esta incluso no city tour, mas é um lugar que você deve ir é um mirante com 69 metros sobre a cidade e 629 metros ao nível do mar sendo um ótimo mirante da cidade. Lá existe um centro comercial e cultural.

Plaza de Armas – Santiago/Chile

Temporada de Neve
O Valle Nevado na temporada de neve é considerado o melhor ponto para as pratica de esqui e snowboard da America do sul, atraindo vários turistas e adeptos ao esporte. Pelo fato do Brasil ser um país tropical, as roupas de frio que temos aqui não são suficientes para a neve, a dica é a locação de roupas e equipamentos. No Shopping Mall Alto Las Condes você consegue encontrar lojas que oferecem locação e ainda o transporte do hotel até o vale nevado.

Alimentação
Minhas dicas de onde comer bem são nos restaurantes La palmeira e Amadeus. Os garçons são bem carismáticos e atendem bem os brasileiros.

Compras em Santiago do Chile
No Chile existem vários produtos bons e baratos alguns dos principais pontos de compras são:

* Mall Plaza Vespucio
* Mall Plaza Oeste
* Mall Portal de La Dehesa
* Mall Parque Arauco
* Mall Alto Las Condes
* Florida Mall Center
* Mall Plaza Norte

Apenas cuidado com o gastos e declarações de compras ao entrar no Brasil com os produtos comprados no Chile.

Moai em Frente ao Museu

Nesse meu post eu abordei apenas Santiago e algumas cidades ao redor, mas existe vários ótimos pontos para se conhecer no Chile como o deserto de Atacama, os Glaciares da patagônia, logos, rios, vulcões e a Ilha de Páscoa. À medida que for conhecendo os demais pontos do Chile irei postando as dicas.

Além de seus comentários , caso tenha interesse ou viagem programada para o Chile, deixe abaixo seu contato e época do ano que pretende ir.

Aquele abraço.

Sobre @MaurivanSB

Todos os dias você deveria fazer algo que te de muito medo ... Isso lembra que você ainda vive ...
Galeria | Esse post foi publicado em Internacionais, Viagens e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

9 respostas para Santiago do Chile, O Passeio

  1. Fazolo disse:

    Muito bacana o blog!

    Esse post do Chile está ótimo, você deveria publicar com mais freqüência.

    E em termos de tecnologia, o que vale a pena comprar? Note, iphone, roupas…. você lembra de algo que achou bem barato por lá?

    Abraço!

  2. MR disse:

    um dos melhores posts!
    gostei bastante!

  3. Will disse:

    Vou para Santiago no meu aniversário e esse post me ajudou bastante
    para ficar informado do que fazer por lá.
    Obrigado mesmo!!!

  4. Neusely disse:

    Vc retornou ao Chile recentemente?

    • @MaurivanSB disse:

      Não, mas você tem algum duvida ou questionamento? Tenho contatos que residem em Santiago.

      • Neusely disse:

        Olá! Irei dia 18 próximo e, de repente, vc poderia conhecer algum taxista que ficasse conosco pelas visitas na cidade. Me disseram que é bem mais barato do que os tours marcados pelas operadoras e te dá mais liberdade também.
        Obrigada

      • @MaurivanSB disse:

        Oi, realmente. Na primeira vez que fui ao Chile fiz bem isso, peguei um taxista la do aeroporto. Na época tinha pego o contado dele. Mas recomendo pegar o do aeroporto. Das outras já estava a vontade para me arriscar a me perder.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s